Homenagem a um companheiro de Luta contra o Golpe e o Fascismo

No dia 1 de novembro o companheiro Flavio marcou sua presença no Ato ForaBolsonaro e todos os golpistas.

Ontem mais uma tristeza veio nos abater neste ano em que os podres e as mazelas do capitalismo se revelam através de uma pandemia em que a prioridade é gastar pouco mesmo que isto signifique mortes que poderiam ser evitadas se todos os recursos possíveis fossem empregados.

O companheiro Flavio Prieto, servidor da Justiça Federal, 62 anos, veio a óbito, após duas paradas respiratórias.  Informações preliminares apontam  que ele foi a uma clinica privada em Copacabana na quarta e mesmo com a suspeita de Covid, ainda que não tenha saído o resultado dos exames,   não foi proposta a sua internação. Esta só aconteceu a zero hora da ultima quinta quando o quadro piorou muito  e por pressão dos parentes. Por volta das onze, infelizmente, Flavio veio a falecer.

Companheiro Flavio era integrante do Coletivo Copa por Diretos e por Diretas e participou de alguns atos Fora Bolsonaro organizado pelo Comitê no posto 2 como no dia 01 de novembro mostrado nesta publicação . Ele não tinha medo de se expor, diferente de alguns políticos profissionais que só foram à rua durante o período eleitoral. Além disso, porque não continuar com a sua militância política visto que foi obrigado a retornar ao trabalho presencial como milhões de trabalhadores todos os dias estão submetidos a esta exigência.

A nota de pesar do Sindicato dos Servidores das Justiças Federais do Estado do Rio de Janeiro, SISIEJUFE, informa que dedicou 20 anos ao serviço público e transcreve o relato do seu diretor Ricardo Soares com quem Flavio trabalho na defesa dos direitos destes servidores: “Perdemos um camarada que estava nas lutas da categoria desde sempre, fazendo greve nas portas dos foros, participando ativamente das atividades sindicais. Um colega sensacional e grande parceiro. Vai em paz, meu amigo”.

Nós do comitê Fora Bolsonaro Rio de Janeiro Centro Zona Sul vimos e sentiremos falta desta garra e desta coragem. Só cabe continuar a luta por aquilo que Flavio Prieto nunca fugiu de alcançar.  Obrigado por ter te conhecido.

One comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

wpChatIcon